Advertisements

Dor muscular rombóide: causas, sintomas e tratamento

Advertisements

Conteúdo

Gerencie ou previna a dor muscular rombóide, entendendo o que é, seu tratamento e como ela pode ser evitada. Continue lendo para saber mais.

Advertisements

Tudo o que você precisa saber sobre dor muscular rombóide

Quais são os músculos rombóides?

Os músculos rombóides são os músculos em forma de losango localizados na parte superior das costas. Eles conectam os ombros à medula espinhal e nossa caixa torácica.

Onde é sentida a dor muscular rombóide?

A dor muscular rombóide se manifesta sob a nuca, entre a coluna e as omoplatas. É comumente chamado de dor nas costas ou desconforto na omoplata.
Quando o músculo rombóide dói, também pode causar desconforto no meio das costas, na parte de trás dos ombros e na área acima das omoplatas.

Quais são os sintomas de dor muscular rombóide?

A dor pode se apresentar como uma tensão, espasmo ou dor aguda na área afetada. Outros sintomas incluem o seguinte:

  • Sensibilidade na parte superior das costas
  • Aperto, inchaço e nós musculares ao redor do músculo rombóide
  • Dor ao respirar
  • Imobilidade da área afetada
  • Dor ao mover o músculo
  • Um som de estalo ou trituração quando as omoplatas são movidas

Quem pode sofrer de dor muscular rombóide?

As pessoas que ficam sentadas atrás de suas mesas por longos períodos, têm postura inadequada, dormem em posições desconfortáveis ​​e se envolvem em atividades que podem esticar demais ou rasgar os músculos estão em risco.
Atividades que levam ao uso excessivo dos músculos rombóides (tênis, golfe e remo) e trabalhos que exigem que você estenda os braços acima da cabeça por longos períodos (levantar objetos pesados) também podem causar esse tipo de dor.

Quais são as diferentes opções de alívio da dor muscular rombóide?

Usando uma compressa fria para aliviar a dor muscular rombóide

Se você estiver com dores musculares rombóides, descansar e abster-se de atividades que possam piorar sua condição são de extrema importância.

  • Método ARROZ.
    • Descanso –  Dê a seus braços e ombros o tempo necessário e minimize o uso desses músculos.
    • Gelo –  Aplique uma compressa fria no ombro por cerca de 20 minutos de cada vez, 3-5 vezes ao dia. Certifique-se de colocar gelo na área afetada imediatamente ou o mais rápido possível após o surgimento da dor.
    • Compressão – Use um curativo na área afetada para aplicar pressão suficiente e reduzir o inchaço.
    • Elevação –  Ajudaria a manter o peito e os ombros levantados ou apoiados com travesseiros quando você se deita ou dorme.
  • Analgésicos. Para alívio rápido da dor muscular rombóide e controle da inflamação, você também pode tomar medicamentos de venda livre, como ibuprofeno ou acetaminofeno.
  • Analgésicos tópicos (sprays, cremes e géis). Acredita-se que esses analgésicos tenham um risco menor de efeitos colaterais porque a droga pula o intestino e menos de sua composição é absorvida pelo sangue.
  • Óleos e Bálsamos. Se você quiser uma maneira mais natural de tratar a dor, pode misturar óleos essenciais e óleos carreadores para criar seu próprio bálsamo calmante.
  • Compressa Quente e Fria. Você também pode aplicar compressa de calor na área após alguns dias de gelo. Tal como acontece com a terapia fria, aplique a compressa quente ou almofada de aquecimento por cerca de 20 minutos de cada vez, 3-5 vezes ao dia – você pode empregar uma terapia alternativa quente-frio.

Por fim, aqui estão alguns exercícios simples de alívio e fortalecimento da dor muscular rombóide para aliviar o desconforto, ajudar na recuperação e evitar que isso aconteça novamente:

Alongamento do braço lateral

  • Na altura do ombro, alcance o lado esquerdo com o braço direito cruzando a frente do corpo.
  • Com a palma da mão esquerda voltada para cima, coloque o braço esquerdo na dobra do cotovelo e puxe o braço direito suavemente para perto do corpo. Mantenha a posição por cerca de 30 segundos.
  • Faça a mão esquerda.
  • Repita por três a cinco repetições em cada mão.

Alongamento romboide

  • Estenda os braços totalmente para a frente, empilhando a mão direita sobre a esquerda.
  • Estenda a mão para a frente enquanto move os quadris para trazer a omoplata direita para cima e a esquerda para baixo.
  • Mantenha a posição por cerca de 30 segundos.
  • Execute-o do outro lado.
  • Repita por três a cinco repetições de cada lado.

Aperto da Omoplata

  • Fique em pé ou sente-se em linha reta com os braços ao seu lado.
  • Traga as omoplatas para trás, apertando-as juntas.
  • Permaneça nessa posição por cerca de 5 a 10 segundos e volte à sua posição original.
  • Repita o processo por pelo menos um minuto.

Rotações do pescoço

  • Fique em pé ou sente-se com os ombros para trás e as costas retas.
  • Vire a cabeça para a direita ao expirar, sentindo o movimento da articulação e dos músculos do pescoço.
  • Vire o máximo possível sem forçar e mantenha a posição por cerca de 30 segundos.
  • Retorne à posição original enquanto inspira.
  • Execute-o do outro lado.
  • Repita por três a cinco repetições de cada lado.

 Alongamento da parte superior das costas e pescoço

  • Estenda os braços, com as palmas voltadas para fora, para a frente na altura do peito e junte os dedos.
  • Leve o queixo até o peito suavemente, sentindo o movimento da articulação e dos músculos do pescoço. Mantenha essa posição por cerca de 30 segundos.
  • Olhe para cima e levante a cabeça, sentindo o movimento da articulação e dos músculos do pescoço. Segure por cerca de 30 segundos.
  • Com a respiração ritmada, dobre o pescoço para cima e para baixo de três a cinco vezes.

Quanto tempo leva antes de curar?

A duração da dor é fortemente dependente da gravidade da cepa rombóide. Demora cerca de três semanas para as cepas leves se recuperarem e vários meses para as mais graves.
Durante a recuperação, não levante objetos pesados ​​e evite atividades pesadas. Lembre-se de facilitar o caminho de volta às suas atividades habituais depois de se recuperar completamente.

Como você pode prevenir a dor muscular rombóide?

Proteja-se de ter dores musculares rombóides seguindo estas dicas simples abaixo:

  1. Manter um peso saudável.
  2. Sempre mantenha uma boa postura quando estiver sentado, em pé ou andando.
  3. Exercite-se regularmente.
  4. Sempre aqueça e esfrie ao ir à academia.
  5. Domine a técnica adequada e a forma dos esportes que você pratica.
  6. Não levante uma mochila pesada com apenas um ombro.
  7. Quando estiver no trabalho, reserve um tempo para pausas rápidas de alongamento para soltar os músculos e liberar o acúmulo de tensão.

Os músculos rombóides podem ser rasgados?

Dor muscular causada por um músculo rombóide rasgado

Sim, pode quando a tensão está presente e você experimenta estes sintomas:

  • Incapacidade de usar o músculo
  • Uma fraqueza dos tendões ou músculos
  • Dor quando a articulação ou músculo é usado
  • Dor durante o repouso
  • Vermelhidão, hematomas e inchaço

A ruptura pode afetar as fibras musculares e os tendões. Também pode causar danos aos vasos sanguíneos, o que pode levar a sangramento ou hematomas.
Após o exame, seu médico tentará determinar se o músculo está parcial ou totalmente rasgado. Se for o último, o processo de cicatrização pode demorar mais com uma possível cirurgia ou uma recuperação complicada.

Quais são outras dicas a seguir quando você tem dor muscular rombóide?

Para dirigir:

  • Ao dirigir, você pode usar um rolo lombar ou outros tipos de apoio para as costas na curva das costas.
  • Seus joelhos devem estar no mesmo nível ou mais alto que seus quadris.
  • Você também deve aproximar o banco do motorista do volante.

Fazer tudo isso não apenas ajuda a apoiar a curva das costas, mas também evita mais danos musculares e má postura.
Para ajoelhar, agachar ou agachar:
Ao ajoelhar, agachar ou abaixar para alcançar ou levantar objetos, decida primeiro qual posição é mais confortável para você. Se você precisar descer muito, você pode se ajoelhar, mas você deve ficar nessa posição por um tempo para evitar choques nos músculos se você se levantar imediatamente.
Qualquer que seja a posição que você usar, certifique-se de abaixar as pernas, contrair os músculos do estômago, manter os pés afastados e enfrentar o objeto para evitar mais danos aos músculos.
Para tossir ou espirrar:
Ao tossir ou espirrar, levante-se e incline-se ligeiramente para trás para permitir mais curva à coluna, protegendo a parte superior das costas de tremores.
Para levantar objetos:
Se você precisar levantar objetos mais leves, certifique-se de que eles não pesam mais do que 30 libras para evitar mais pressão e estresse em seus músculos. Seu pé também deve estar firme antes de levantar.
Ao pegar objetos abaixo do nível da cintura, dobre os joelhos e mantenha as costas retas. Evite curvar-se para a frente usando a cintura enquanto mantém os joelhos retos.

Quais alimentos você come para ajudar a aliviar a dor muscular rombóide?

Adicionar esses alimentos à sua dieta pode ajudar significativamente a aliviar a dor no músculo rombóide e até mesmo em outros tipos de músculos do corpo:

1. Vinho Tinto

A casca das uvas vermelhas, da qual o vinho tinto é extraído, contém um composto chamado resveratrol que pode ajudar a reduzir o inchaço nos músculos. O composto é um polifenol que age como antioxidantes que protegem o corpo dos danos dos radicais livres.
Embora beber vinho tinto seja benéfico para dores musculares rombóides crônicas, ainda é melhor beber com a quantidade certa.

2. Óleo de hortelã-pimenta

É naturalmente antiespasmódico e anti-inflamatório e possui propriedades analgésicas que ajudam a diminuir os níveis de inflamação e dor. Pode acalmar espasmos musculares que levam a cãibras com mentol, um composto que dá uma sensação de resfriamento e alivia o desconforto.
Você pode usar óleo de hortelã-pimenta como substituto se suas receitas exigirem extrato de hortelã-pimenta. Apenas lembre-se de que o óleo é concentrado, então você precisa usar apenas uma pequena quantidade.

3. Pimenta Chili

Estes contêm capsaicina, um agente liberador de neuropeptídeos que fornece às pimentas seu calor, que tem propriedades analgésicas. Coma-os crus ou inclua-os nas suas receitas.
A sensação de “queimação” que você sente quando consome esses truques seu cérebro para liberar endorfinas que bloqueiam os sinais de dor. Ensopados, sopas e molhos são algumas das receitas maravilhosas nas quais você pode incorporar pimentas.

Definição de endorfinas: substâncias químicas que o corpo libera para aliviar a dor e o estresse

4. Azeite Virgem

O óleo contém oleocanthal, um composto fenólico responsável pela sensação de queimação que você pode sentir no fundo da garganta quando o consome. Funciona como o ibuprofeno, um medicamento anti-inflamatório não esteróide que funciona diminuindo os níveis hormonais que desencadeiam dor e inflamação.
Apenas certifique-se de não aquecer o óleo a altas temperaturas, em torno de 410 ° F, pois isso remove algumas das propriedades benéficas. Você pode usá-lo para cozinhar alimentos anti-inflamatórios, como certos vegetais, para ajudar com dores musculares rombóides.

5. Tarte de cerejas

Comer cerejas azedas para alívio natural da dor

Estes contêm flavonóides chamados antocianinas que possuem propriedades anti-mutagênicas, anti-inflamatórias, antioxidantes e antimicrobianas para ajudar a combater o inchaço e a dor muscular. Um estudo mostrou que os corredores que consumiram suco de cereja azedo por uma semana antes da corrida e no dia da corrida duas vezes ao dia experimentaram uma diminuição na dor muscular.
Você também pode incluir essas cerejas em suas receitas de lanches, além de consumi-las como suco.

6. Cúrcuma

Esta famosa especiaria possui propriedades antioxidantes que neutralizam os radicais livres. Ele também tem propriedades anti-inflamatórias que ajudam a relaxar os músculos da rigidez ou dor.
O corpo acha difícil absorver a cúrcuma, então você precisa aquecê-la para facilitar a absorção. Você pode incluir este ingrediente em suas receitas de sopa ou curry.

7. Salmão

Este peixe contém ácidos graxos ômega-3, que ajudam a reduzir o desconforto, rigidez e inchaço nos músculos. Os ácidos também contribuem para um aumento no fluxo sanguíneo para evitar o inchaço quando o músculo rombóide está funcionando.
Você pode cozinhar salmão de várias maneiras:

  • Fritar
  • Assar
  • Grelhar
  • Grelhar
  • Caça

Você também pode experimentar outros tipos de peixes ricos em ácidos graxos ômega-3, como cavala, sardinha e atum.

8. Mirtilos

Estas bagas saudáveis ​​contêm propriedades anti-inflamatórias e antioxidantes que protegem as células musculares e reduzem o inchaço muscular. Você pode tê-los como coberturas frescas em cereais, iogurte, panquecas, waffles e aveia, como um smoothie com iogurte e leite ou como ingrediente de salada.
Para temporadas sem bagas, você pode optar por mirtilos congelados, pois eles ainda contêm a mesma quantidade de nutrientes que os frescos.

9. Gengibre

O gengibre pode matar a dor incômoda. Um estudo revelou que os participantes que tomaram gengibre por 11 dias relataram que sentiram menos dores musculares.
Você pode incluir gengibre em seus doces, frituras, receitas de peixe, sopa ou chá quente.
Descanse imediatamente e evite atividades que possam piorar se você estiver com dores musculares rombóides. Se a dor persistir mesmo depois de seguir alguns dos métodos mencionados acima, é melhor que ela seja examinada por um médico.
Para dores recorrentes, por outro lado, você pode tentar trabalhar com um personal trainer, pois pode ser causado por desequilíbrios em seu corpo.

Add a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *