Advertisements

Sintomas de alergia à canela, causa, tratamento e alimentos a serem evitados

Advertisements

Conteúdo

A canela é uma especiaria maravilhosa, aromática e versátil, com muitos benefícios para a saúde e propriedades medicinais. Sua capacidade de gerenciar, tratar e curar várias doenças e enfermidades o torna um ‘super-alimento’. Esta especiaria é colhida da casca das árvores, nativas do Sudeste Asiático, China e Índia. Mas esta erva não é adequada para o consumo de todos. As pessoas alérgicas à canela devem ficar longe de preparações alimentares que contenham canela. Esses indivíduos podem experimentar reações adversas à saúde depois de consumir ou tocar canela.

Advertisements

CAUSAS DA ALERGIA À CANELA

As alergias a especiarias são difíceis de detectar e muitas vezes não são diagnosticadas. Comer, cheirar ou mesmo tocar esta especiaria pode desencadear uma resposta alérgica em indivíduos sensíveis. O cinamaldeído e o álcool cinâmico são compostos presentes na canela, responsáveis ​​por sua fragrância. Ambos os compostos são responsáveis ​​pela dermatite alérgica de contato em indivíduos hipersensíveis. O cinamaldeído é um sensibilizador da pele mais potente do que o álcool cinâmico.

Em indivíduos alérgicos à canela, o sistema imunológico do corpo reage com mecanismo de defesa quando exposto ao cinamaldeído presente na canela. O corpo identifica o cinamaldeído como um alérgeno e produz anticorpos contra ele. Os mastócitos liberam ‘histamina’, uma substância que desencadeia uma resposta alérgica no corpo.

As alergias são comuns entre os bebês porque eles têm um sistema imunológico fraco. A exposição à canela pode causar uma reação alérgica ou irritação da pele em bebês. Essa reação alérgica geralmente é tópica em bebês e os sintomas alérgicos podem aparecer minutos após a exposição da pele à canela.

SINTOMAS DA ALERGIA À CANELA

Os sintomas são desencadeados quando a canela é consumida ou quando entra em contato direto com a pele. Cheirar esta erva aromática também pode causar sintomas.

Sintomas gastrointestinais:

Quando a canela é consumida como parte de uma preparação de alimentos, pode causar sintomas gastrointestinais, como:

  • Náusea
  • Dor de estômago ou desconforto abdominal
  • Vômito
  • Diarréia ou fezes moles

Dermatite de contato:

É uma reação alérgica da pele, que ocorre quando uma pessoa alérgica à canela é exposta a ela. Causa:

  • Inflamação da pele
  • Vermelhidão
  • Coceira
  • Erupções cutâneas

Sintomas respiratórios:

Se uma pessoa alérgica à canela entrar em contato com a canela, isso leva a sintomas respiratórios, como:

  • Tosse
  • Chiado
  • Espirros
  • Nariz escorrendo
  • Olhos marejados
  • Comichão dos olhos
  • Comichão da garganta
  • Dificuldade em respirar

Estomatite de contato:

É uma condição na qual a inflamação da mucosa oral é causada pelo alérgeno. Isso causa:

  • Disgeusia
  • Sensação de queimação na boca
  • Dormência
  • Coceira
  • Salivação em excesso
  • Dor

Anafilaxia:

A anafilaxia é uma condição com risco de vida, que requer atenção médica imediata. Os sintomas incluem:

  • Perda de consciência
  • Pulso rápido
  • Queda no nível de pressão arterial
  • Dificuldade em respirar ( 1 )

DIAGNÓSTICO E TESTES DE ALERGIA À CANELA

História Clínica:

Uma história alimentar detalhada e um recordatório alimentar ajudarão o médico a diagnosticar a alergia alimentar. A alergia a especiarias é difícil de detectar.

Se você tiver reações a vários alimentos, há maiores chances de ter alergia a qualquer tempero.

Se as reações adversas ocorrerem depois de comer comida de restaurante ou alimentos embalados, mas se o mesmo alimento for consumido, que é cozido em casa e não houver reações, deve-se verificar se há alergia a especiarias.

Informe o médico se tiver alguma outra alergia alimentar ou se algum membro da sua família for alérgico à canela.

Descrever seus sintomas em detalhes irá esclarecer ainda mais o seu caso.

Mantenha um registro de alimentos e bebidas que desencadeiam os sintomas.

Teste de picada na pele:

Este teste ajuda a diagnosticar facilmente a alergia à canela. Durante este teste, seu alergista pica sua pele com a ajuda de uma lanceta. O alérgeno de canela é aplicado no local da picada. Se você é alérgico à canela, sua pele ficará vermelha ou um inchaço pode aparecer porque o corpo produz anticorpos contra o alérgeno. Seu alergista descartará a alergia se não houver alterações na pele presentes.

Teste de remendo de pele:

Este teste pode ser feito para confirmar ou descartar a alergia à canela em crianças e adultos. Neste teste, o alérgeno de canela é aplicado nas costas de um indivíduo, em um adesivo selado por 48 horas. Um resultado positivo é confirmado pela presença de bolhas, úlceras, vermelhidão, erupções cutâneas ou pele inflamada.

Exame de sangue de alergia:

Este exame de sangue mede a imunoglobulina E, um anticorpo produzido pelo sistema imunológico durante uma alergia. Se o nível de imunoglobulina E estiver alto, indica que uma pessoa é alérgica.

FATORES DE RISCO

  • Indivíduos com histórico familiar de alergia à canela.
  • História de alergia alimentar no passado, principalmente na infância.
  • Ter qualquer outro tipo de alergia alimentar.
  • As mulheres que usam mais produtos de beleza correm um risco maior porque a canela faz parte de muitos desses produtos.

TRATAMENTO DA ALERGIA À CANELA

Anti-histamínicos: Os anti-histamínicos são medicamentos que podem ser usados ​​para tratar sintomas leves de alergia. Esses medicamentos suprimem a ação da histamina e aliviam os sintomas.

Auto-injetor de epinefrina: Um auto-injetor de epinefrina é prescrito pelo médico ou alergista. Deve ser usado durante a anafilaxia ou reações alérgicas adversas.

CUIDADO

  • O primeiro e mais importante passo para prevenir a alergia à canela é evitar completamente a ingestão de canela.
  • Leia atentamente o rótulo dos alimentos antes de comprar qualquer produto alimentar. Fique atento à canela na lista de ingredientes e evite comprá-la se algum produto alimentar contiver canela.
  • Ao comer fora em um restaurante, informe a equipe sobre sua alergia. Peça-lhes para não usar canela em sua preparação de alimentos.
  • O óleo de canela é usado para aromaterapia e massagens. Não opte por tais opções.
  • Canela e óleo de canela também fazem parte de batons e pacotes de rosto. Tenha cuidado antes de comprar tais produtos de beleza.
  • Informe o professor da escola se seu filho é alérgico a canela.
  • A canela é adicionada a certos cremes dentais, balas e gomas de mascar porque tem um sabor agradável. Evite usar esses produtos.

LISTA DE ALIMENTOS A EVITAR

Aqui está uma lista de alimentos para evitar se você é alérgico à canela:

  • Bolos
  • Pães
  • Sorvetes
  • Pudins
  • Pastilhas elásticas
  • Doces
  • Cereais do café da manhã
  • Barras de energia
  • Chá de canela
  • Café com sabor de canela
  • Mistura de especiarias de abóbora

Add a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *